Leituras de Setembro/2017

Chegou o dia de conversarmos sobre as leituras do mês! Bora? 🙂

ol-desertomst

Pensa em um destino bonito esse livro ter surgido na minha vida? Chegou despretensiosamente mas já percebi que vai ficar por bastante tempo.

Durante toda a leitura, pensei estar lendo uma mega e singela poesia. Tem uma história linda demaaais, e a primeira e última frase conseguiram me arrebatar completamente.

Fica a dica de um livro curto e profundo em certo sentido, mas de uma delicadeza impressionante…

 

 

 

cia_letras_clarissa_bolso

Sinceramente? Está difícil passar um mês sem estar acompanhada de Erico Verissimo; como faz?

Este livro é um pouco diferente de todos os outros que li do autor, remete mais ao romance e à poesia, como ele próprio disse. Mas de forma alguma achei este ponto negativo.

Clarissa me cativou, assim como todos os outros personagens – até o mais carrancudo, admito -. Está aqui uma recomendação não muito feita por aí, mas que vale muito a pena.

 

 

 

download (1)

QUE. LIVRO. SENSACIONAL

Desculpa, não tenho nem como colocar em palavras o que senti por essa narrativa – além dessa capa maravilhosa -, mas vou me esforçar um pouquinho.

Tá, depois de ficar muito tempo pensando no que escrever, só me veio à memória recomendá-lo. Para quem gosta de se aventurar na filosofia e sociologia, esse livro é um prato cheio!

E o final? Incrivelmente sensacional. É daquelas histórias que dificilmente sairão da sua cabeça. Se prepara!

 

 

11034 - iniciacao.indd

Esse já é voltado à teoria, mas resolvi compartilhar mesmo assim; acho que não foge do contexto.

Desse não tenho muito o que pontuar também, mas adorei ter lido. Cita muitos autores que eu desconhecia completamente, e informa muito em poucas páginas.

Para quem, assim como eu, tem interesse nas letras, fica a recomendação 😉

 

 

 

 

E esse mês foi isso. Repleto de leituras incríveis que me fizeram crescer como pessoa e também como leitora.

Mas e você? Me conta o que leu por esses dias que eu fico curiosa! Até mais 🙂

Conto: Homem de areia

Ontem finalizei o conto Homem de areia, que se encontra no livro Contos fantásticos do séc XIX. Se eu adorei a leitura? Sem dúvidas! Tanto que estou aqui para falar sobre ele. Mas a parte da história em que posterguei esse conto por longos anos eu pulo.

754822

Não falarei a sinopse porque todo mundo pode dar um google e encontrar, não é verdade?

O conto já começa deixando o leitor curioso sobre o desenvolvimento da história, mas aqui vai uma dica: não acontecerá nada do que você está imaginando! E o final? Ah, o final vai te deixar de queixo caído e cabelo em pé!

Natanael, personagem principal, parece estar a todo momento completamente sóbrio, mas seus relatos são duvidosos constantemente. Cabe ao leitor, e ao desenrolar da leitura, julgar se o mesmo encontra-se delirando, ou apenas relatando plenamente o que viu. A interpretação é essencial na narrativa, o que acaba por deixar tudo ainda mais fascinante. Posso afirmar que ainda me pego pensando na história e até, pasmem, em algumas falas.

Quando falamos de clássicos para algumas pessoas, nota-se claramente o desprezo pela história; mas humildemente, julgo essa leitura ser um ótimo caminho para adentrar ao mundo clássico, e perceber que as palavras podem te levar facilmente a outro mundo, outra época.

Fica aí a dica de, mais que um entretenimento, um aprendizado com as fantásticas letras, que poderá te fazer olhar o mundo literário sob uma nova perspectiva.

Leituras de Agosto /2017

Não sei vocês, mas eu sempre espero o final do mês ansiosamente para ver o que as pessoas por aí leram de bacana. E por isso, hoje vim mostrar o que eu li nesse pequeno mês de agosto (e cai entre nós, foi só livro que fez meu coração mais feliz!)

  • Aos 7 e aos 40

Baixar-Livro-Aos-7-e-aos-40-João-Luis-Anzanello-Carrascoza-em-PDF-ePub-e-Mobi-ou-ler-online-370x494

Comecei o mês lendo essa coisa linda. Confesso que mesmo depois de alguns dias, me pego refletindo a respeito!

Apesar de curtinho, traz uma leveza ao leitor inexplicável. Mostra a diferença e o amadurecimento que a idade conquista.

Livro de uma sensibilidade enorme, e com certeza deve ser muito propagado por esse mundão.

 

 

 

 

  • O continente vol. 2

11978_gg

Comecei minha aventura pelo O tempo e o vento em Julho, e viciei! Descobri a magia que Erico Verissimo possibilita através de sua escrita; e com esse livro, não foi diferente.

Quem me acompanha no skoob talvez tenha visto meus históricos super elogiosos a respeito. Me arrisquei em concluir que o volume 2 foi ainda melhor e mais envolvente, que o primeiro.

Para quem quer uma história longa (sete volumes), envolvente e que com certeza deixará saudade ao seu término, fica a recomendação de um senhor livro!

 

 

  • Felicidade conjugal

2874494

Esse foi uma recomendação (e cai entre nós, que recomendação!). Estava eu, à procura de um livro Russo para obter novas experiências, e eis que me surge este.

No começo, pensei em ser o Orgulho e Preconceito de Tolstói, mas não havia percebido a sutileza inserida por detrás da história.

Se trata da realidade, senhoras e senhores! A vida amorosa exatamente como ela é.

Nenhum tapa será tão bom como esse, vejam só vocês!

 

 

Esse foi um mísero resumo das minhas leituras durante o mês de Agosto, mas espero que vocês realmente se interessem e leiam esses livros (Vai por mim, vai valer a pena!).

Book Haul da Bienal, baby o/

14317574_511315099078698_5332094374951667605_n

E esse mês teve o quê? Isso mesmo, Bienal do livro. E eu dou pulinhos de alegria.

Nesse post vim mostrar para vocês a pequena quantidade de livros que comprei; afinal, não está fácil para ninguém, não é mesmo? Hahaha, bora lá.

P.S¹ Não sei o que está acontecendo, mas o instagram não está querendo entrar no rodapé lateral. Mas de qualquer forma, o user é: oisa._ ♥

P.S² Todos os livros que aqui estiverem, foram comprados por R$10,00. Pasmem!

  • O Começo de Tudo

o-comeco-de-tudo-jpg-1000x1353_q85_crop

Ainda não sei qual o livro mais amorzinho que comprei esse mês. Mas esse é um forte concorrente; tenho que admitir.

Pensa em uma capa que chama atenção por onde passa! Só tenho a dizer que já comecei a ler, estou exalando amor, e o livro já está na fila para ser emprestado em um futuro próximo.

 

 

 

 

 

  • Os Videntes

os-videntes-libba-bray

Qual foi a minha sensação ao ver esse livro por R$10,00? Agarrei ele, abracei, dei um enorme beijo e trouxe para casa, lógico.

Eu o queria desde quando foi lançado e lembro de estar com um preço tanto quanto salgado. Maaaas bienal está aqui para nos consolar.

Com certeza lerei o mais rápido possível para fazer um post para vocês. Aguardem ♥

 

 

 

 

  • Obsessão

thepaperboy-obsessao_filme

 

Não sei quase nada sobre esse livro. Ou melhor, não sei realmente nada. Apenas que se trata de um policial ou algo parecido hahahaha 

Tantas pessoas me recomendaram , que já nem me lembro a quantidade. Também me disseram que não tem nada de fútil, como aparenta. Espero gostar muuuito. Expectativas sobem cada vez mais!

 

 

 

 

  • O sonho de Eva

O Sonho de Eva Capa.indd

 

A quanto tempo esse livro está na minha lista de desejados? Digamos que muito.

Outro com a capa sensacionalmente sensacional. Ainda não sei o que achar da história em si, mas com certeza volto logo com a minha opinião para vocês.

 

 

 

 

 

 

  • Uma pequena casa de chá em Cabul

1282638-250x250

Tudo bem… admito que esse livro só foi comprado por minha pessoa, exclusivamente pela capa. Mas olha para ela. Vê se eu não tenho razão. É maravilhosa; foi inevitável.

Procurei no Skoob sobre ele e felizmente vi que é quase unanimidade 5 ou 4 estrelas. Preciso ler urgentemente.

 

 

Essas foram as minhas pequenas compras dessa Bienal, e consequentemente, desse mês. Espero que tenha gostado da minha escolha e que volte em breve para dar uma olhada na minha opinião sobre esses e outros livros ♥

Leituras de Agosto – 2016

Hoje venho com as minhas leituras de Agosto. Foram  pouquíssimos livros; chega a dar uma pequena dor no coração. Mas foram leituras que me fizeram bem felizinha. Espero que gostem.

Lembrando que se você estiver disposto a dar uma olhadinha no meu Skoob, ele está sempre por aqui.

  • O lado bom da vida

20416349.jpg

O que falar desse livro? Fazia um bom tempo que ele estava adicionado na minha lista de Quero ler do Skoob e finalmente tive a oportunidade de lê-lo.

Eu imaginava que o livro seria totalmente diferente do que na verdade foi. Admito que esperava um pouquinho a mais, sim; mas nada que tenha deixado a leitura menos prazerosa.

Os personagens foram desenvolvidos de uma forma que me fez acreditar que eram totalmente reais. Pat muitas vezes me deixou com os nervos sensíveis, mas quando eu finalmente parei para analisar sua mente, incrivelmente o entendi.

O final não foi absolutamente nada do que imagina e queria ao livro. Mas mesmo assim, não deixo de o recomendar. Cresci junto com os personagens.

  • Jogador N°1

jogador-numero-1-capa

Parece que esse mês foi a vez de ler livros antigos e muito comentados.

Pois bem, chegou a minha vez de ler O jogador N°1. E o que eu achei dele? Então…

Gostei muito do desenrolar da história, dos ambientes criados pelo autor, da criatividade em si. Mas o meu problema foi com o personagem principal. Ele me pareceu querer mostrar que sabe tudo e de tudo. Além de ser bem monótono algumas vezes.

No geral dei 3 estrelas; porque apesar de tudo, adorei ler esse livro e me jogar em uma história completamente diferente de todas as outras que eu já li.

 

  • A culpa é das estrelas

42234877

Tudo bem, só não me julguem, por favor hahahaha Estava eu, a procura de um livro na biblioteca, quando avisto A culpa é das estrelas. E me deu um negócio que eu precisava ler. E assim fiz hahaha 

Já tinha assistido o filme. Talvez seja por isso que não chorei em um longo período da leitura. E se você acompanha o blog a um tempo, já deve ter notado que John Green e eu não nos damos muito bem.

Mas tenho de falar que gostei muito deste aqui. Gostei dos personagens e também da narrativa em si. Com certeza é um livro que vi muitos pontos positivos. É o tipo de história que vai te fazer sorrir e passar raiva na mesma página; se duvidar, até no mesmo minuto.

Vale muito a pena quando se está a procura de uma vibe tranquila. Mas sabemos que de tranquilo, o final não tem nada.

Essas foram as minhas pouquíssimas leituras do mês de Agosto. Sinceramente espero que tenham gostado. Até a próxima 😉

Livros: A vida peculiar de um carteiro solitário

89763890 Bilodo vive a tranquila vida de um carteiro sem muitos amigos nem grandes emoções. Completa diariamente seu percurso de entrega e retorna sempre à solidão de seu pequeno apartamento em Montreal. Mas ele encontrou uma excêntrica maneira de fugir dessa rotina: aprendeu a abrir as correspondências alheias sem deixar rastros e passou a ler as cartas pessoais com as quais se depara.
E foi assim que ele descobriu o primeiro grande amor de sua vida: a jovem professora Ségolène, que mantém uma misteriosa correspondência com o poeta Gaston, composta somente por haicais. Instigado pela elegância e simplicidade de seus versos, Bilodo se vê cada vez mais fascinado por essa forma de poesia.
Mas quando é confrontado com a perspectiva de se ver privado das cartas de Ségolène, ele precisa tomar uma decisão que pode levá-lo mais longe do que podia imaginar. Talvez seja hora de compor seus próprios poemas de amor.

“Peculiar e charmoso com um desfecho bem executado , esta novela traz à mente nada menos do que um Kafka apaixonado” The Guardian

Faz tanto tempo que escrevi um post parecido, que cheguei a conclusão de que não sei mais fazer hahahaha Agora falando do livro……. Complexo. Essa palavra define a experiência de leitura que tive com ele. Sabe aquela sensação de terminar de ler um livro, olhar para a parede e chegar a seguinte conclusão: Eu não absorvi tudo que o livro tentou me passar? Pois é.

O livro é tão poético, que tenho absoluta certeza de que preciso reler. O final é o típico desfecho que vai te fazer parar e pensar. Pensar muito hahahaha

O enredo é repleto de lindíssimos pequenos poemas; o que deixa a leitura muito mais fluída e prazerosa.

Pela foto não dá para ver, mas o livro é curtinho, com uma média de 100 páginas; por isso não vou me estender mais. Recomendo fortemente. A história é linda, cheia de sentimento e algumas coisas relacionadas à cultura japonesa. O final é surpreendente ao extremo, o que acabou me encantando muito mais.

Com certeza, fica na pilha dos livros que preciso reler e dos favoritos da vida ♥ Ah, e te vejo na próxima 😉

 

Livros mega desejados

Hoje vim mostrar os livros que eu mais desejo no momento. Apenas repare como eles são maravilhosos hahahaha

cartas (1)(Foto: blooks)

Esse livro reúne diversas cartas. Confesso que não parei para pesquisar especificamente algumas cartas que ali se encontram; justamente porque quero ter a surpresa quando pegar para lê-lo. Pena que terei que vender um rim para comprá-lo hahahaha

02-novembro-de-63

A premissa desse livro é simplesmente sensacional. É um tanto quanto gordinho, o que me faz ter mais curiosidade ainda hahahaha É king. Preciso falar mais alguma coisa? Hahahaha

kiss-of-deception-capa-final-volume-1-darksidebooks

O que dizer desse livro que todo o mundo já leu, menos eu? A edição é maravilhosa e recentemente ouvi tantos elogios que preciso dele aqui do meu lado. Tipo, agora.

CAPA_QueriaVerVoceFeliz-e1410551867687

Já li esse livro no Kindle e confesso que gostei bastante. Mas é aquela coisa, né? Preciso dele na minha prateleira, ao meu lado seeeempre hahaha Por falar nisso, logo logo tem post sobre esse livro por aqui.

Esse é um pedaço da minha listinha de super desejados. Espero que tenham gostado e até a próxima 😉

Livros: Futuras leituras ainda para esse ano

Dando uma olhada no meu Skoob, percebi que ainda faltam alguns; muitos, livros que ainda preciso finalizar nesse ano tão pobre de leituras. Então decidi mostrar para vocês alguns deles.

Capa_Harry_Potter_e_a_Ordem_da_Fênix_(livro)

Estou fazendo uma coisa meio doida com essa série. Estou lendo um por ano, para acompanhá-lo na idade. E seguindo essa ideia, está na hora de “A ordem da fênixhaha Esse realmente não pode passar de 2016. Me desejem sorte; esse é o maior de toda a série hahaha

CAPA-Lugares-Escuros

Todo mundo fala dessa autora, meu Deeeus, preciso ler algum livro dessa mulher. Como dizem que sua obra prima é “Garota exemplar“, decidi fazer o contrário e não lê-lo primeiro… Vai entender.

DepoisDeVoce_300dpi-712x1024

Depois de descobrir que esse livro existia, minha vida não foi a mesma. Preciso saber o que acontece com certos personagens; isso é certeza. E precisa ser ainda esse aaaano hahaha

Um-perfeito-cavalheiro-capa_WEB

Quem me acompanha a um tempo, sabe que eu amo essa série. Li os dois primeiros e até agora, só foi amores. Agora que todos já foram lançados, preciso ler ao mínimo dois ainda esse ano, para desfrutar mais um pouquinho dessa história incrível.

Bom… esse foi o post de hoje. Não voltei com resenhas porque as leituras realmente não estão fluindo muito bem esse ano. Acho que está sendo um grande período de ressaca literária. Espero sair loogo hahaha Por favor, deixem sugestões de novos livros, para que eu ao menos tente voltar à ativa ♥

 

Livros: One Man Guy

one man guyUm romance sobre dois garotos, dois mundos e um encontro.
    Ethan é tudo o que Alek gostaria de ser: confiante, livre e irreverente. Apesar de estudarem na mesma escola, os dois garotos pertencem a mundos diferentes. Enquanto Ethan é descolado e tem vários amigos, Alek tem apenas uma, Becky, e convive intensamente com sua família e a comunidade armênia.
    Mesmo com tantas diferenças, os destinos de Ethan e Alek se cruzam ao precisarem frequentar um mesmo curso de férias. Quando Ethan convence Alek a matar aula e ir a um show de Rufus Wainwright no Central Park, em Nova York, Alek embarca em sua primeira aventura fora de sua existência no subúrbio de Nova Jersey e da proteção de sua família.
    E ele não consegue acreditar que um cara tão legal quer ser seu amigo. Ou, talvez, mais do que isso.
    One Man Guy é uma história romântica, comovente e engraçada sobre o que acontece quando as pessoas saem de suas zonas de conforto e ajudam o outro a ver o mundo (e a si mesmo) como nunca viram antes.

Tenho de admitir que logo ao iniciar a leitura, já senti que não iria gostar. Até então não sabia nada a respeito do enredo, mas confesso que julguei pela capa hahaha

Bem, acho que está na hora de nos livrarmos das coisas que nos atrapalham.

Depois de passar das primeiras trinta páginas, já me vi completamente imersa na história. A escrita do autor é maravilhosa; assim como os personagens desenvolvidos.

Somos aquilo que fomos criados para ser.

Durante a leitura, somos apresentados à culinária Armênia, o que apesar de muitos verem com más olhos, me deixou ainda mais apaixonada por essa cultura. Somos introduzidos à novos hábitos de uma forma que não me pareceu forçada; muito pelo contrário, me pareceu natural e singela, da melhor forma possível.

Alek não sabia o que era pior, estar tão perto do que se queria e não poder pegar, como Tântalo, ou estar totalmente exilado do que se queria.

O único ponto que me deixou decepcionada durante a leitura, foi o fato da aceitação de Alek. Pense comigo, caro leitor: Se você se descobre homossexual, com pais tão conservadores e ortodoxos, você não se sentiria um pouco desesperado? No meu ponto de vista, ele tratou como uma coisa simples de ser entendida pelos familiares, o que na verdade, não deveria ser.

Às vezes, você precisa conseguir o que pensa que quer para perceber que nunca quis isso, na verdade.

Entenda, não estou afirmando que a atitude deles deveriam ser essas; mas tentei prever suas atitudes por seus comportamentos durante todo o livro. Ou talvez eu seja chata demais e tenha visto coisas que não existem.

Você tem personalidade. Quero isso em um cara com quem vou ficar. Significa que ele vai me tratar bem e que também merece ser tratado bem.

Amei como o romance se desenvolveu e fluiu delicadamente. O autor fez com que eu torcesse ferozmente por esse casal; me tirando vários sorrisos durante a leitura. Se é um livro recomendado? Completamente. Cinco estrelas e favoritado, com certeza.

Tenham uma ótima noite e maravilhosas leituras 😉

 

Livros: Proibido

 Tabitha-Suzuma-Proibido-Resenha-Capa-Livro

Ela é doce, sensível e extremamente sofrida: tem dezesseis anos, mas a maturidade de uma mulher marcada pelas provações e privações da pobreza, o pulso forte e a têmpera de quem cria os irmãos menores como filhos há anos, e só uma pessoa conhece a mágoa e a abnegação que se escondem por trás de seus tristes olhos azuis. Ele é brilhante, generoso e altamente responsável: tem dezessete anos, mas a fibra e o senso de dever de um pai de família, lutando contra tudo e contra todos para mantê-la unida, e só uma pessoa conhece a grandeza e a força de caráter que se escondem por trás daqueles intensos olhos verdes. Eles são irmão e irmã. Mas será que o mundo receberá de braços abertos aqueles que ousaram violar um de seus mais arraigados tabus? E você, receberia? Com extrema sutileza psicológica e sensibilidade poética, cenas de inesquecível beleza visual e diálogos de porte dramatúrgico, Suzuma tece uma tapeçaria visceralmente humana, fazendo pouco a pouco aflorar dos fios simples do quotidiano um assombroso mito eterno em toda a sua riqueza, mistério e profundidade.

Nocaute. Tabitha Suzuma me deu um nocaute. Nunca cheguei a me envolver tanto com um livro antes a ponto de chorar em público. Mas realmente tudo tem sua primeira vez. Não sei o que falar aqui. Não sei como olhar para o mundo da mesma forma que antes. Ler esse livro, é sair de dentro do mesmo, como uma nova pessoa; cheia de novas experiências e desilusões.

Das bilhões de pessoas que habitam o planeta, ele é uma das pouquíssimas que não posso ter. E isso é algo que devo aceitar – mesmo que, como ácido num metal, esteja lentamente me corroendo por dentro.

Os personagens são de uma sensibilidade impressionante. É incrível como eles te envolvem e te cativam. Tenho absoluta certeza que até agora, não acreditei em nenhum como Lochan e Maya.

Porque para mim, jamais vai poder haver mais ninguém. A certeza desse fato me sufoca.

Eu comecei a falar tanto, que acabei esquecendo de um detalhe muito importante: o tabu. Porque é isso que acontece quando você lê esse livro. Você esquece que eles são irmãos biológicos; até porque, sinceramente, tal informação não deveria interferir em nada. Realmente não entendo essas pessoas que odeiam todas as formas de amor que não sejam tão comuns. Talvez porque prefiram que o mundo exale ódio. Desculpa, talvez eu esteja um pouco mais revoltada, depois da leitura hahaha

Mas você tem que parar de achar que é errado, Lochie. Porque é exatamente o que os outros acham, mas esse problema é deles.

Se você já pesquisou a respeito, deve ter ouvido por aí que este é o livro que é quase impossível ser relido. Vai por mim, essas pessoas não estavam brincando. Só de pensar em ler toda a história novamente, sabendo do desfecho, sei que não conseguiria me recompor. Isso não é um exagero. Aquele final acabou comigo.

Não darei mais detalhes, por ser um livro que cada pessoa deve ter sua própria experiência, sem qualquer influência. Mas uma coisa eu posso falar: É um livro repleto de emoções; sentimentos felizes e não tão felizes assim. Mas para fechar, quero deixar uma última citação que me fez pensar na humanidade durante a leitura:

Todo mundo tem o direito de fazer o que quiser, de expressar seu amor como bem entender, sem medo de assédio, ostracismo, perseguição ou mesmo a lei. Até relacionamentos violentos  e adúlteros costumam ser tolerados, apesar do mal que causam aos outros. Na nossa sociedade progressiva e permissiva, todos esses tipos de “amor” daninhos e doentios são permitidos – mas não o nosso.